DER/PR homologa licitação para conservar 592,36 km de rodovias da região Noroeste

De: DER/PR (maio/2022)

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) publicou a homologação da licitação dos serviços de conservação e manutenção de 592,36 quilômetros de rodovias na região Noroeste do Estado. Um investimento de R$ 36.204.484,67.

O edital estava dividido em dois lotes, com o Consórcio Asphalt Compasa, formado pelas empresas Compasa do Brasil Distribuidora de Derivados de Petróleo Ltda. e Asphalt Pavimentação Asfáltica Ltda, sendo o vencedor de ambas disputas, por ter apresentado as propostas de preço mais vantajosas e ter seus documentos de habilitação aprovados.

A publicação da homologação também adjudicou (cedeu) a execução dos serviços ao consórcio, garantindo as assinaturas de contratos, uma vez que ele apresente todos os documentos necessários.

Estão previstos serviços de remendos profundos e superficiais, selagem de trinca, melhorias no sistema de drenagem e tapa buracos emergencial, pelo prazo de um ano. Eles terão início após a contratação e emissão de ordem de serviço.

Ao todo serão beneficiados 271.151 habitantes de 27 municípios, além dos condutores que trafegam pela região.

Confira os detalhes de cada lote:

Lote A – 263,09 km – R$ 15.676.261,15.
Municípios: Diamante do Norte, Guairaçá, Inajá, Itaguajé, Itaúna do Sul, Jardim Olinda, Marilena, Nova Londrina, Paranapoema, Paranavaí, Santo Antônio do Caiuá, São João do Caiuá e Terra Rica
Rodovias: PRC-158, PR-180, PR-182, PR-340, PR-464, PR-494, PR-556, PR-557, PR-569 e PR-577

Lote B – 329,27 km – R$ 20.528.223,52
Municípios: Alto Paraná, Amaporã, Loanda, Mirador, Nova Aliança do Ivaí, Paraíso do Norte, Paranavaí, Planaltina do Paraná, Porto Rico, Querência do Norte, Santa Cruz de Monte Castelo, Santa Isabel do Ivaí, Santa Mônica, São Pedro do Paraná e Tamboara.
Rodovias: PRC-158, PR-182, PR-218, PR-478, PR-492, PR-559, PR-561, PR-576, PR-691 e PR-930.

Governo de São Paulo entrega obras em 11 estradas na região de Araçatuba

Fonte: DER/SP (Maio/2022)

O Governador Rodrigo Garcia entregou nesta sexta-feira (13) 11 obras realizadas em estradas da região de Araçatuba.

Foram investidos R$ 52,9 milhões em 76,4 km de obras de recuperação e modernização nas vias, por meio da Secretaria de Logística e Transportes.

“Eu quando venho entregar uma obra ou anunciar uma obra, eu começo pedindo desculpas por não ter feito antes.

E eu registro o compromisso de continuar fazendo mais.

Eu sei que o que a gente está fazendo hoje não é suficiente para atender a expectativa da nossa população, mas é o possível, porque nós nos unimos para chegar até aqui”, disse Rodrigo Garcia.

A entrega foi realizada durante a iniciativa Governo na Área, que busca intensificar as relações institucionais entre o Governo do Estado, Prefeituras e Câmaras Municipais, além de ampliar a transparência das ações governamentais à população.

Por meio do Programa Novas Estradas Vicinais, foram realizadas oito obras, com recuperação e modernização de 62,9 km e investimento de aproximadamente R$ 47 milhões.

As obras visam a recuperação da pista, pavimentação de estradas em terra, melhorias em sinalização e sistema de drenagem que irão beneficiar os municípios de Araçatuba, Avanhandava, Gabriel Monteiro, Guaiçara, Ilha Solteira, Itapura, Lavínia, Mirandópolis, Pereira Barreto e Promissão.

O programa Estrada Asfaltada realizou serviços de conservação especial e reabilitação da sinalização horizontal em três obras, com 13,5 km de vias recuperadas e investimento de R$ 5,5 milhões.

Os municípios beneficiados foram Buritama, Itapura e Turiúba.

Estradas vicinais entregues:
– Vicinal ART 435: Ligação SP 463 ? Pedreira JN ? Porto fluvial, incluindo rotatória de acesso ao porto, em Araçatuba.Extensão de 7,1 km.
– Vicinal SP 563/SP 595: Ligação da Rodovia SP 563 a Ilha Solteira e Entre Rios (SP 595).
Em Pereira Barreto, Ilha Solteira e Itapura.

Extensão de 14,1 km.
– Vicinal ART 040 (Nametala Rezek): Ligação da Rodovia SP 300 à Rodovia SP 463 (Bairro Água Limpa) e recuperação da Rodovia Vicinal Nametala Rezek.

Extensão de 4,4 KM.
– Vicinal Caram Rezek: Ligação da SP 463 ao bairro de Engenheiro Taveira, em Araçatuba.Extensão de 5,7 km. – Vicinal PSS 040 e GUA 070: Ligação de Promissão a Guaiçara.Extensão de 9,5 km.
– Vicinal Rodovia Gabriel Monteiro: Ligação de Gabriel Monteiro à Divisa Clementina.Extensão de 4,4 km.
– Vicinal PSS 060 e AVA 030: Ligação de Promissão a Avanhandava.

Extensão de 11 km.
– Vicinal LVN 040 e MDP 020: Ligação de Lavínia a Mirandópolis.

Extensão de 6,7 km.

Estradas asfaltadas:
– SPA 052/461: Acesso a Buritama, com extensão de 4,95 km, em Buritama.
– SPA 065/461: Acesso a Turiúba, com extensão de 2,60 km, em Turiúba.
– SPA 022/595: Acesso a Itapura, com extensão de 6,00 km, em Itapura.

Trecho duplicado da BR-101 é entregue entre Sergipe e Alagoas

Fonte: Estrada.com.br  (maio/2022)

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), obra vai contribuir para o desenvolvimento do turismo na divisa dos estados

Os usuários da BR-101, em Sergipe, terão mais conforto e segurança com a entrega de 40 quilômetros duplicados, entre as cidades sergipanas de Propriá e Capela, próximas à divisa com o Estado de Alagoas.

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), o investimento de R$ 203,8 milhões permitiu a ampliação de capacidade, que proporcionará também a redução do número de acidentes e irá favorecer a ligação para as principais cidades turísticas de todo o Nordeste brasileiro.

Cinco lotes

Dividido em cinco lotes, o empreendimento vai beneficiar diretamente cerca de 120 mil pessoas que moram nos municípios no norte sergipano. O trecho liberado na terça-feira (17) faz parte do lote 1.

Segundo a Autarquia, a BR-101 é um dos principais eixos de conexão do país e do Nordeste. Essa obra foi priorizada depois de sucessivas paralisações. Com a conclusão, os usuários terão mais mobilidade e mais fluidez no tráfego para Sergipe.

Segundo o ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, devem ser entregues nas próximas semanas novos trechos duplicados da rodovia em Aracaju e Alagoas. “Isso dará mais segurança para os caminhoneiros transportarem cargas; traz atratividade para o turismo e competitividade para o Nordeste”, disse.

Mais mobilidade

O conjunto de melhorias na BR-101 contempla a conclusão dos acessos à ponte sobre o Rio São Francisco, na divisa de Sergipe e Alagoas. A ponte foi inaugurada em 2021 e é o único meio de transposição rodoviário pelo rio.

Na época, foi entregue uma estrutura 860 metros de extensão e 24 metros de largura, trechos duplicados, pavimentação em concreto rígido e o encabeçamento da ponte nos dois lados da rodovia, uma espécie de aterro que nivela a altura da estrada com a da estrutura. O avanço das obras, com a conclusão dos acessos, vai reduzir o tempo de viagem, evitar acidentes e trazer mais mobilidade aos motoristas.

A BR-101 desempenha papel fundamental na logística e economia da região Nordeste. Com a interligação das capitais litorâneas, estima-se que as obras beneficiem 15 milhões de pessoas. Só a duplicação do lote 1, gerou 950 empregos diretos e indiretos.

Com informações da Ascom do Dnit